Entenda tudo sobre o que é uma API, pra que elas servem e exemplos de API’s que já vem integradas com o Scriptcase.

É fundamental entender o que propriamente é um API e como ela funciona, isso porque podemos dizer que entendendo uma vez o seu conceito e aplicabilidades, você vai conseguir enxergar como sistemas, aplicativos e softwares se comunicam, interagem e se integram.

O que são API’s?

Application Programming Interface, ou, em português, Interface de Programação de Aplicativos, são uma espécie de ‘tradutores’ que tem como objetivos principais conectar aplicativos, softwares e sistemas. Através deles se torna totalmente possível entregar experiências mais práticas e confortáveis para os usuários finais.

Podemos dizer que o objetivo principal de uma API é o processo de troca de dados entre sistemas, e esse processo, em grande parte, tem como finalidade automatizar processo manuais ou/e criar novas funcionalidades ao longo do fluxo processual.

Outra concepção interessante é que um API nada mais é do que um conjunto de padrões de programação e rotinas que visam ter acesso a um software ou plataforma web. Geralmente um API é desenvolvida quando um empresa intenciona que outros desenvolvedores de aplicações criem produtos associados ao seu serviço. Para entender melhor podemos citar o Google Maps, que é um dos grandes exemplos de API’s, isso porque através do seu código original diversas outras aplicações conseguem utilizar seus dados adaptando as suas necessidades específicas de utilização do serviço.

API’s criam pontes de comunicação entre os aplicativos, e pra essa comunicação ser estabelecida não se faz necessário propriamente conhecimento ou intervenção dos usuários, tudo acontece de forma automatizada através da comunicação de diversos códigos por trás dos processos. Um Sistema de pagamento online por exemplo, é ótimo pra entender como o processo de comunicação entre as aplicações funcionam de forma automática.

Em resumo, podemos afirmar que um API tem por objetivo principal simplificar o processo de desenvolvimento de softwares e fornecer padrão para criação de novas plataformas, isso porque as facilidades que elas trazem para o ciclo de desenvolvimento, excluindo a necessidade de criação de códigos personalizados para cada função que um programa for desempenhar, são essenciais hoje em dia para um desenvolvimento rápido e eficiente.

Quais API’s o Scriptcase tem disponível?

O Scriptcase oferece a possibilidade de configurar o processo de integração com diversas API’s que tem disponíveis já no seu ambiente. Com uma interface bem fluida e intuitiva e totalmente possível configurar o envio de SMS, emails e até API’s de pagamentos online.

API’s de Email

Scriptcase consegue se conectar com três API’s diferentes para o envio de emails, são elas: SMTP, Mandril e Amazon SES.

  • SMTP (Simple Mail Transfer Protocol) é o protocolo tido como padrão para envio de emails pela internet;
  • Mandril é uma API de email definida como transacional, isso porque ela é feita para usuários do MailChimp e é recomendada para o envio de emails baseado em banco de dados;
  • Amazon SES (Amazon Simple Email Service) é basicamente um serviço de email criado totalmente para ajudar o envio de email marketing, mensagens transacionais e notificações.

API’s de SMS

Já no quesito API’s para envio de SMS o Scriptcase também se conecta com três tipos diferentes: Twilio, Plivo e Clickatell.

  • Twilio é basicamente um pacote de bibliotecas que possibilita a comunicação por SMS em escala global;
  • Plivo é uma espécie de plataforma de comunicação que permite que as empresas consigam contactar seus clientes por meio de SMS e até por voz;
  • Clickatell também éuma plataforma de SMS, fornece serviços de SMS em massa via HTTP;

WhatsApp API

O Scriptcase utiliza a ChatAPI para conseguir o envio de mensagens via whatsapp.

API’s de pagamento

No quesito pagamento online, o Scriptcase usa a API do PayPal;

API’s de Armazenamento

Quando se fala em armazenamento o Scriptcase garante 3 API’s importantes: Dropbox, Google Drive e S3.

  • Dropbox, baseado no conceito de armazenamento em nuvem, é um serviço de armazenamento compartilhado de arquivos.
  • Google Drive é basicamente uma espécie de serviço de disco virtual lançada pela Google, com ela é possível armazenar arquivos na nuvem do Google;
  • Amazon S3 (Amazon Simple Storage Service) é em resumo, um serviço de armazenamento de objetos que oferece segurança, desempenho, disponibilidade de dados e escalabilidade, em outras palavras, pode ser utilizado por clientes de todos os tamanhos e setores.

Visite nossos blog e confira mais artigos como esse!

Por ,

6 de outubro de 2021

Compartilhar esta postagem

a

Você pode gostar também…

7 Motivos para você modernizar as aplicações da sua empresa

Abaixo vamos refletir um pouco sobre algumas razões que devem ser pensadas diante da necessidade d...

6 vantagens de desenvolver um software personalizado

Em algum momento da sua vida você já deve ter se deparado com a seguinte questão: qual o mais va...

Desânimo e/ou vontade de desistir da programação? Saiba como evitar!

Você já passou por aquele momento em que o desânimo tomou conta e você pensou em desistir da á...

Você pode gostar também…

Receba novas postagens, recursos, ofertas e muito mais a semanalmente.

Nós utilizaremos seu email para te adicionar a nossa Newsletter semanal. Você pode sair desta lista a qualquer momento clicando no link no final dos emails recebidos, ou entrar em contato conosco em vendas@scriptcase.com.br. Conheça nossa Política de Privacidade.